Veja 4 maneiras para ensinar as cores na educação infantil

13 abr
0 comentário(s)

O primeiro filho traz muitos aprendizados para a mãe, não é mesmo? Afinal, ele se desenvolve um pouquinho a cada dia. Assim sendo, com a visão não é diferente. Ao nascer, esse sentido é muito limitado, suficiente apenas para identificar coisas próximas, como o rosto da mãe quando ele está no colo mamando.

Com o tempo, tudo fica mais nítido e colorido, e, por volta dos oito meses, o bebê enxerga praticamente como um adulto. Mas como saber o momento de ensinar as cores na educação infantil? A partir dos dois anos, esse conhecimento pode ser apresentado, já que é possível estabelecer a relação entre o conceito abstrato de cor e algo físico. A cor amarela e uma banana, por exemplo.

Pensando nisso, trazemos, neste post, quatro maneiras que vão ajudar você a ensinar as cores na educação infantil sem ter medo de errar. Vamos lá?

1. Use itens da rotina da criança

Aproveite tudo que você tem próximo para ensinar as cores na educação infantil. Frutas são um ótimo exemplo, na medida em que há de várias cores e formas diferentes. Além disso, é no momento das refeições que você está bem próximo do seu filho. Use também os brinquedos que a criança mais gosta e a roupa que ela está usando para deixar o aprendizado mais lúdico.

2. Associe as cores às coisas do mundo

Nesse período, é muito importante mostrar que o mundo é mais do que a casa e a escola, para que a criança se coloque nas mais diferentes situações. Por isso, pegue a imagem de uma floresta, por exemplo, use lápis de cor ou giz de cera e pinte cada item. Peça que ela identifique cada coisa e, a princípio, fale a cor de tudo. Quando fizer essa atividade novamente, deixe que ela diga a cor de cada coisa.

3. Foque nas cores primárias

Vermelho, azul e amarelo são as cores puras ou primárias. Da mistura entre elas, derivam muitas outras. Por isso, comece por essas, que são mais fáceis de identificar. Para ensinar as cores, faça associações do tipo: vermelho com a maçã, amarelo como o sol e azul como o céu. Também é possível usar tinta e pedir para a criança pintar algo com uma cor específica, como um círculo de azul.

4. Agrupe objetos

O aspecto lúdico é um grande aliado do aprendizado, por isso invente alguns jogos. Pegue vários itens iguais, palitos de sorvete ou bolinhas, por exemplo, e pinte de algumas cores diferentes e repetidas. Espalhe tudo no chão e peça que seu filho agrupe tudo que for igual. Depois pergunte a cor em cada grupo. Posteriormente, é possível também usar objetos diferentes, que você tenha em casa, e pedir que ele separe em cores.

É possível ainda pegar caixas — de sapato, por exemplo — e pintá-las com uma cor primária. Depois, deve-se pegar um papel com a respectiva cor de cada caixa, rasgá-lo e fazer bolinhas. Misture todas elas e peça que a criança coloque cada bolinha em sua respectiva caixa.

Viu quantas possibilidades de ensinar cores na educação infantil existem? O importante é deixar o aprendizado divertido, começar devagar e evoluir aos poucos. Crianças são muito curiosas, e, com certeza, esse será um momento especial que, além de desenvolver uma competência importante, deixará seu filho mais próximo de você.

Na Creche Escola Aprendiz, buscamos cuidar com afeto, desenvolver a inteligência e ajudar na formação da personalidade. Para isso, usamos atividades planejadas e direcionadas. Para tirar qualquer dúvida e ter mais informações sobre nossa forma de trabalho, entre em contato conosco! Estamos esperando por você!

Deixe seu comentário