Como tratar resfriado em bebês e prevenir os sintomas

08 maio
0 comentário(s)

Com a queda nas temperaturas e o tempo seco, os bebês começam a sentir os desconfortos das mudanças climáticas e, muitas vezes, ficam gripados. Mesmo que os pais se preocupem e queiram saber como tratar resfriado em bebês, em geral, a infecção das vias respiratórias não resulta em grandes complicações.

Ao contrário de um indivíduo adulto, as crianças de até três anos de idade não têm memória infecciosa. Dessa forma, seus organismos são mais vulneráveis e sensíveis ao contato com os vírus.

A gripe e o resfriado são transmitidos, principalmente, por meio do contato com gotículas de saliva em suspensão no ar. Por isso, é importante evitar que o bebê fique em lugares fechados e com muitas pessoas. Os sintomas mais comuns são tosse, irritação, nariz entupido e, em alguns casos, febre.

Pensando nisso, preparamos algumas dicas para tratar os sintomas e evitar os resfriados nos pequenos. Confira!

Fique atento ao calendário de vacinação

Normalmente, os sintomas do resfriado são mais brandos em crianças que mamam no peito da mãe. Essa é, portanto, uma das melhores formas de prevenir a doença — pois o bebê recebe, junto com o leite, os anticorpos maternos.

Além disso, a vacina contra a gripe é um ótimo reforço para uma proteção extra e para a prevenção do resfriado. Ela é distribuída gratuitamente pela rede pública para crianças de 6 meses até 5 anos e precisa ser reaplicada anualmente, pois, como o vírus sofre modificações todos os anos, a vacina também muda.

A única exceção é para pessoas com alergia à proteína do ovo, um dos componentes da vacina. Portanto, consulte o médico antes de levar seu filho para o posto de saúde.

Use umidificadores de ar

Manter o ambiente com uma boa umidade do ar alivia os sintomas do resfriado, pois evita o ressecamento das vias respiratórias. No mercado já existem diversas opções de umidificadores de ar, entretanto, esses aparelhos devem ser usados com parcimônia.

O excesso de umidade pode encharcar tapetes, cortinas e outros tecidos e favorecer o crescimento de fungos — causando mais problemas respiratórios. Outra opção simples é deixar uma toalha úmida ou uma bacia com água perto do berço para hidratar o ar sem exagerar.

Faça limpeza nasal no bebê

Usar soro fisiológico no nariz do bebê higieniza e alivia a congestão nasal. Outra vantagem é que a limpeza diminui as chances do resfriado evoluir para outras infecções — como sinusite ou otite.

O soro pode ser utilizado várias vezes por dia e deixa as secreções mais fluidas, o que facilita a retirada das crostas e, consequentemente, o nariz fica menos entupido e menos inflamado. Além do mais, é importante limpar o nariz da criança antes da refeição, para não prejudicar a hora de mamar.

Uma das melhores formas de como tratar resfriado em bebês é mantê-los hidratados e em repouso. Caso os sintomas não minimizem, o ideal é procurar por um pediatra e explicar a situação. Lembre-se de que os pequenos não devem tomar nenhuma medicação sem a orientação de um médico.

Se nossas dicas foram úteis, deixe um comentário no nosso post contando sua experiência!

Deixe seu comentário